Campo Verde continua apresentando bom resultado na geração de empregos




soja



Os números do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED) do Ministério do Trabalho, divulgados na última sexta-feira (22), mostram que Campo Verde, apesar do período de recessão pelo qual passa o país, continua apresentando bons resultados na geração de empregos.

De acordo com o CAGED, entre janeiro e março de 2016 Campo Verde teve 2.162 admissões enquanto que no mesmo período foram registradas 1.542 demissões. Um saldo positivo de 620 novos empregos com carteira assinada.

Os números, se comparados com o período de janeiro a março de 2015, mostram um crescimento significativo. Nos três primeiros meses do ano passado Campo Verde apresentava um saldo positivo de 282 empregos, 338 a menos que em 2016.

O setor que mais gerou empregos no primeiro trimestre desse ano foi o agronegócio, seguido pelo da indústria de transformação. “A agropecuária faz de Campo Verde uma realidade diferente do Brasil e esperamos que continue assim”, disse o prefeito Fábio Schroeter.

Fábio frisou que o momento é de atenção e que não se pode descuidar em razão da conjuntura econômica e política do país. Porém, ressaltou que os números do CAGED referentes ao município proporcionam um pouco de tranquilidade. “Embora a gente veja que alguns setores sentiram mais, eu volto a frisar que o cenário é melhor que em outras cidades e regiões”, disse Fábio.

De acordo com o CAGED, o setor de serviços gerou em março 119 novos postos de trabalho. O serviços de utilidade pública gerou 8 e a indústria de transformação empregou no mês 69 pessoas. Na construção civil, que sempre apresentou um bom desempenho, foram gerados 42 novos empregos. O setor agropecuário, mais uma vez, foi o destaque, com 428 novos postos de trabalho.

No total, em março foram criados 803 empregos, enquanto o número de demissões foi de 496, um saldo positivo no mês de 307 empregos. Em Mato Grosso, somente no setor de comércio e agropecuária, 4.319 trabalhadores perderam o emprego este mês. (Valmir Faria – Supervisor de Comunicação/ASCOMCV)

Categorias: Administração, Noticias