Beneficiados pelo BPC devem fazer o recadastramento no CadÚnico


Idosos devem atualizar os dados até dia 31 de dezembro de 2017; deficientes físicos até 31 de dezembro de 2018

Rosilene Sanguini Schroeter, secretária municipal de Assistência Social

A Secretaria Municipal de Assistência Social (SAS) de Campo Verde está convocando os idosos ou portadores de deficiência física que recebem o Benefício de Prestação Continuada (BPC) para fazer o recadastramento no Cadastro Único do Ministério do Desenvolvimento Social.

O prazo para o recadastramento, de acordo com secretária de Assistência Social de Campo Verde, Rosilene Sanguini Schroeter, é até 31 de dezembro de 2017 para os idosos e 31 de dezembro de 2018 para os deficientes físicos. Quem ainda não recebe o BPC e pretende ter acesso ao benefício também deve procurar a SAS até as datas estabelecidas.

O recadastramento é necessário para evitar falhas na concessão do benefício. Estima-se que em todo o Brasil, 30% dos que recebem o BPC não se enquadram nas regras estabelecidas pelo Ministério do Desenvolvimento Social.

A secretária Rosilene Sanguini Schroeter salientou que o não recadastramento no CadÚnico poderá implicar na perca do benefício. Em Campo Verde são 277 idosos que recebem o BPC. Até o momento, de acordo com Rosilene, 130 estão com o CadÚnico atualizado. Ela também informou que dos 322 deficientes que recebem o BPC, 180 regularizaram o CadÚnico.

Para se cadastras ou fazer o recadastramento, o idoso ou portador de deficiência deve comparecer à Secretaria de Assistência Social e apresentar os seguintes documentos: CPF, RG, Título de Eleitor, Carteira de Trabalho, Cartão do PSF, comprovante de endereço (conta de água ou energia) e certidão de nascimento. É necessário também a apresentação dos documentos originais de todos os integrantes da família.  A Secretaria de Assistência Social de Campo Verde fica na Rua Amazonas 179, no bairro São Lourenço. (Valmir Faria – Supervisor de Comunicação/ASCOMCV)

Categorias: Assistência Social