Prefeito e empresário de Campo Verde recebem título de “Cidadãos Mato-grossenses”




Henio e Nininho1Durante sessão especial da Assembleia Legislativa de Mato Grosso, realizada segunda-feira (14), o prefeito de Campo Verde Fábio Schroeter e o empresário Hênio Straglioto, proprietário e fundador da Granja Campo Verde – uma das maiores do estado, foram agraciados com o título de “Cidadãos Mato-grossenses”.

A honraria foi proposta pelo deputado estadual Ondanir Bortolini, o “Nininho”, que também presidiu a sessão. “Este título é um reconhecimento da Assembleia Legislativa por todo o trabalho prestado pelos homenageados”, destacou o parlamentar. Outras 17 personalidades de Mato Grosso, ligadas à política, ao Judiciário, à Polícia Militar, e à filantropia foram agraciadas com o título.

“Nininho” ressaltou que tanto o prefeito Fábio quanto o empresário Hênio Straglioto foram homenageados por suas trajetórias de vida em Mato Grosso e pelo empreendedorismo que ajudou a transformar economicamente o município e o estado. “Para nós é uma honra estar homenageando nesta data, duas pessoas importantes no município de Campo Verde, que têm relevantes serviços prestados”, frisou.

Para o prefeito Fábio Schroeter, que chegou a Mato Grosso em 1981, vindo do Paraná com a família que se estabeleceu na Serra de São Vicente, receber a homenagem da Assembleia Legislativa, proposta pelo deputado “Nininho”, é motivo de honra. “Eu fico contente, sem sombra de dúvidas, em receber esse título. Eu que sou, realmente, um cidadão mato-grossense – já há 34 anos em Mato Grosso. Eu e minha família”, destacou Fábio.

fabio e nininho1O prefeito lembrou que desde que chegaram se passaram 34 anos de muito trabalho, de muita luta, de muita busca, de melhorias, de crescimento. “E conseguimos. Hoje, mesmo sendo paranaense, somos cidadãos mato-grossenses, agora com título. O que muda é o título. Tudo aquilo que a gente fez, não muda”, observou.

Agradecido pelo reconhecimento, Fábio afirmou que agora, como cidadão mato-grossense de fato e de direito, as responsabilidades aumentam ainda mais. “Com esse título a gente sente a obrigação de trabalhar mais”, disse ele, que entrou para a política em 2013, quando foi eleito prefeito de Campo Verde, e que considera o cargo como uma missão bonita e gratificante porque lhe permite fazer o bem para a comunidade.

Fábio agradeceu ao deputado Nininho pela indicação, e à família, por ter vindo para Mato grosso, conforme frisou, em busca de oportunidades. No início enfrentaram dificuldades, que, como lembrou Fábio, foram vividas por todos aqueles que vieram para o estado tentar uma nova vida.

Hênio Straglioto veio para Mato Grosso há 29 anos e investiu em uma atividade que até então era pouco explorada no estado, que era a criação de aves de postura. “Foi um desafio muito grande”, lembrou. “Havia aquele temor do calor, que não era possível, que não dava pra vir”, completou.

Mas ele e os sócios que tinha à época, insistiram e montaram os primeiros aviários. Hoje, passadas quase três décadas, a Granja Campo Verde, é uma das maiores do estado. “Lutamos muito, trabalhamos muito, buscamos tecnologias novas, parcerias e deu certo”, destacou. Produzindo quase 50 mil dúzias de ovos por dia e empregando mais de 220 pessoas diretamente, a granja abastece os mercados de Mato Grosso e de mais quatro estados, além do Distrito Federal.

Para ele, receber o título foi surpresa. “Eu não imaginava. Eu vim trabalhar, meu negócio é trabalho”, frisou. Straglioto fez questão de dividir a honraria com aqueles que o ajudaram a construir sua empresa e sua história em Mato Grosso. “Eu agradeço esse título a todos os colaboradores, desde o primeiro até o último. Todos os que entram foram importantes, os que vão entrar também. Quem saiu, não importa de que maneira, foram pessoas especiais. Não tenho palavras. Eu fui pego de surpresa e estou muito grato. E espero que todos vejam que vale a pena o Mato Grosso”, disse. (Valmir Faria – Supervisor de Comunicação/ASCOMCV)

Categorias: Noticias