“Do Índio ao algodão” agrada público e jurados no Festival Velha Joana




O grupo teatral Raio de Luz, do Departamento de Cultura de Campo Verde, se apresentou na última quinta-feira (8) no “Festival de Teatro Velha Joana”, em Primavera do Leste e promovido pela Secretaria de Cultura daquele município, com peça “Do Índio ao Algodão”.

O espetáculo teve boa receptividade tanto dos jurados quanto do público. “Os jurados elogiaram e fizeram alguns apontamentos de melhoria, mas marcamos excelente presença no Festival”, disse a coordenadora do Departamento de Cultura da Secretaria Municipal de Educação e Cultura de Campo Verde, Fátima Conti.

De acordo com a coordenadora de Cultura, não é possível garantir que a peça “Do Índio ao Algodão” será premiada no “Velha Joana”, no entanto, ela ressaltou que presença do Grupo Raio de Luz no Festival simbolizou uma grande conquista. “Essa participação marcou a volta de Campo Verde aos festivais, algo que não acontecia há anos. Isso é muito gratificante”, disse ela.

Quem também destacou a participação do Raio de Luz no Festival foi o secretário de Cultura de Primavera do Leste, Wanderson Lana. “Foi muito importante ver o grupo de teatro de Campo Verde aqui em Primavera do Leste. As duas cidades têm uma relação muito próxima nas políticas das artes das cenas. Parabéns à Prefeitura de Campo Verde, ao Departamento de Cultura”, disse ele. “E esperamos no ano que vem participar do Festival de Teatro de Campo Verde”, disse Lana.

O elenco da peça “Do Índio ao Algodão” foi formado pelos atores Bianca Martins Alexandre, Manuela Zancheta, Júlia Martins Alexandre, Poliana Stanga Corradini, Guilherme Souza, Isabella Cristine Pereira e Charles Pierre, que também dirigiu o espetáculo. A equipe técnica teve João Bosco Nogueira Alves (música) e Sérgio Carvalho (Iluminação). Participação especial: Yuri Nitroyo, Isaias Florentino de Lara e Eduardo Oliveira, do grupo Abadá Capoeira.

Categorias: Educação e Cultura